Conheça as regras do Futsal – Fundamentos e história

O futebol de salão, também conhecido como futsal, é um esporte de origem uruguaia do século XX. É uma variação do futebol, tendo, portanto, estruturas e algumas regras semelhantes. Pode ser praticado tanto por homens quanto mulheres e em quadras tanto abertas quanto fechadas.

O chão da quadra, entretanto, deve ser uma superfície lisa em vez um gramado, como no futebol. É disputado por duas equipes, cada uma com 5 jogadores em campo. Devido às menores proporções, tanto da área da quadra quanto do número de jogadores, pode ser considerado um dos esportes mais populares do Brasil, ainda mais popular que o futebol.

Jogar Futsal: regras básicas e fundamentos

 

O objeto usado para a prática desse esporte é uma bola e o objetivo principal do futsal é a marcação de pontos através de gols. A instituição responsável pelos eventos e pelas regras do futsal é a FIFUSA, Federação Internacional do Futebol de Salão.

Os movimentos permitidos do futsal

Assim como no futebol, o uso das mãos para o manejo e o deslocamento da bola é proibido. Os fundamentos, ou movimentos, a seguir são comuns ao futsal e ao futebol.

  • Passe: É o ato de chutar a bola para um companheiro da equipe.
  • Drible: É o ato de enganar o adversário com uma série de movimentos e passar por ele.
  • Cabeceio: É o ato de golpear a bola com a cabeça.
  • Chute: É o ato de golpear a bola com os pés.
  • Recepção: É o ato de interromper o percurso que a bola esteja fazendo.
  • Condução: É o ato de manejar a bola de forma que ela se desloque pelo campo.

As posições no futsal e no futebol

  • Goleiro: Defende o gol do próprio time contra tentativas adversárias de marcar pontos.
  • Fixo: Semelhante ao zagueiro do futebol, tem função de defesa.
  • Ala esquerdo e ala direito: Tema função de ajudar no ataque, trabalhando nas áreas laterais da quadra.
  • Pivô: Também conhecido como atacante, principal responsável pela tentativa de marcação de gols.

As regras do futsal

  1. Cada partida de futsal tem 40 minutos de duração, sendo dividida em dois tempos de 20 minutos.
  2. O jogo é supervisionado por um árbitro.
  3. O uso dos braços, do tronco, da cabeça, das pernas e dos pés é permitido para o manejo e condução da bola. O uso das mão é proibido a todos os jogadores, com exceção dos goleiros.
  4. Em caso de falta, um jogador pode receber do árbitro um cartão amarelo ou um cartão vermelho. O cartão vermelho indica expulsão imediata, bem como três cartões amarelos para o mesmo jogador.
  5. O objetivo é fazer com que a bola atravesse a trave da área adversária do campo.
  6. A equipe vencedora é aquela que obtiver mais pontos ao final da partida.
  7. As cobranças de falta são semelhantes às do futebol: Escanteio, tiro de meta, arremesso lateral e arremesso de canto.
Gostou? Então compartilhe: